• Redação JM

Curiosidade JM! Invasão domiciliar

Fato curioso está ocorrendo diariamente em um poste em frente à Grafmil/Jornal Minuano. Um casal de João-de-Barro está quase terminando a tradicional casinha. diga-se de passagem, a natureza é única!

Está acontecendo que o casal de Barreiros começa o trabalho de construção pela manhã até a meia-tarde, mas enquanto a casa não está pronta, não pousa no local e deixa o acabamento da porta concluído. Mas, depois que o casal para de trabalhar, se retira do local, para onde vão não se sabe e nem por quê.

A surpresa é a invasão domiciliar, ou seja, um casal de Caturritas que passa a maior parte do dia no antigo poste de iluminação do Estádio Municipal fazendo o que não se sabe. Mas antes do anoitecer, o casal se apropria da casinha de barro, entra para dentro, começa com os bicos afiados, garras potentes e abrem espaço, alongando a porta para ficar confortável, pois passam a noite tranquilamente dormindo dentro da mesma. No clarear do dia seguinte, o casal de Caturritas volta para o poste no estádio.

O casal de João-de-Barro retorna e começa a reconstruir tudo outra vez.

Moral da história: As Caturritas são novas, não aprenderam o respeito, os bons costumes ou devido à pandemia do Coronavírus, o casal de João-de-Barro decidiu ser solidário.

Como e até quando vai terminar esta história não se sabe. Será que o pedreiro da floresta vai terminar a obra, expulsar ou alugar para as Caturritas?

Mas é divertido e interessante o comportamento dos animais na natureza.