• Redação JM

Mateada no CTG Velha Carreta de Santa Bárbara do Sul

A tarde de 20 de setembro foi celebrada com mateada pela patronagem, peões, prendas, familiares e comunidade, no CTG Velha Carreta de Santa Bárbara do Sul.

Para iniciar as homenagens ao 20 de setembro, Dia do Gaúcho, foi convidado o gaiteiro e compositor Celso Picinini, integrante da patronagem para cantar de sua autoria, “deixei que fosse...”

A intenção da patronagem foi de realizar tarde diferente com a família e amigos, celebrando que está se saindo mais forte desta pandemia. Também lembrar dos entes queridos que não resistiram, fazendo um minuto de silêncio enviando conforto aos familiares.

Este ano, o tema da Semana Farroupilha escolhido pelo MTG - Caminhos de Anita prestou homenagem às mulheres vitoriosas que com seus companheiros sempre estiveram lado a lado, lutando, incentivando e vencendo os obstáculos.

A professora Geni Marques de Campos declamou a poesia “Mulher Gaúcha”.

Também durante a tarde, foram homenageadas simbolicamente as Anitas, Anas, Marias... representadas pelas mulheres vitoriosas da patronagem do CTG Velha Carreta que receberam mimo de seus Giuseppes.

Fabiana Lirio Carvalho representou Anita Garibaldi homenageando as mulheres com a poesia “Gaúcha Guerreira”.

Foi entoado o Hino Rio-Grandense e aconteceu o arriamento dos pavilhões pelas mulheres que simbolicamente representaram todas as santa-barbarenses: Nacional - vice-prefeita Marivane Basanella Kuhn; Estadual - Ana Paula Moraes Ludvig, representando o Departamento Cultural do CTG; Municipal - Janice Peccini de Oliveira, 2ª sota-capataz; CTG Velha Carreta - patroa Cleide Staforti.

Foram convidadas, patroa Cleide e prendas para extinção da Chama Crioula.

Após, aconteceu “Carreata Farroupilha” em homenagem ao 20 de setembro: Sirvam nossas façanhas de modelo a toda a terra!

Texto: CTG Velha Carreta

Adaptação: Jornal Minuano