• Redação JM

Perspectiva de novo cenário pós-vacina, como lidar?

Diariamente ouvimos notícias esperançosas de que foram aprovadas as vacinas contra a Covid-19. Muitos já comentam sobre seus novos planos pós-vacinação e a respeito do que chamam de retorno à normalidade.

Expectativas se multiplicam diante do novo cenário, esperando que o mundo como o conhecesse antes da pandemia, retroceda seu curso e consigamos então, seguir com maior previsibilidade.

Infelizmente, parece que essas expectativas estão longe de se tornarem realidade. Em meio a uma pandemia é preciso entender que estamos diante de pacto coletivo.

Devemos não apenas nos vacinar, para a nossa proteção e a das pessoas das quais nos aproximamos como também cultivar por período ainda indeterminado todas as restrições a fim de evitar a transmissão de novos casos da doença. A mudança infelizmente não será imediata como todos desejamos.

De certo modo, em um país como o nosso de proporções continentais, como a liberação da vacina será gradual e levando-se em consideração o plano de distribuição da mesma, se faz necessário continuar controlando a propagação do vírus no intuito de diminuir a incidência de novos casos. Possivelmente, ainda haverá longo período antes de alterações significativas ocorrerem.

Além disso, a própria fabricação das vacinas é muito recente e, portanto, não se tem ainda conhecimento sobre o impacto exato que elas terão na proteção contra o Coronavírus.

É possível inclusive que, apesar de estar resguardado, o vacinado ainda seja passível de se tornar vetor de contaminação.

Ainda não há a certeza sobre o período de efetividade da imunidade pós-vacina, nos levando a crer que talvez tenhamos que fazer reforços em determinados momentos.

Tudo é muito recente e está se desenvolvendo na medida em que seguimos vivenciando. Desse modo, os protocolos até então seguidos, de distanciamento social, uso do álcool em gel e máscaras não devem ser abandonados.

As mudanças devem ser acolhidas. Buscamos constantemente nos adaptar a algo que possivelmente perdurará.

Que a lição aprendida, sirva de exemplo para todos. Depois de um ano pandêmico, mais do que nunca, precisamos nos preservar.

Dois mil e vinte e um deve ser melhor do que o ano anterior com certeza.

Acreditar é preciso!




0 comentário
  • Ícone do Facebook Branco
  • whats
  • whats
  • email
  • email

Gráfica e Editora Minuano Ltda / Jornal Minuano

Diretor: João Sibirino
Dpto. Comercial: Edi Rejane Mentz 

Redação/Design: Vitor Fernando Lirio e Débora Menezes
Entregas / Cobranças: Álvaro Gerlack

© Criado por Jornal Minuano

 Av. Eduardo de Brito, 467 - Santa Bárbara do Sul-RS - CEP 98.240-000 - Tel: (55) 3372-1221 - WhatsApp: (55) 99161-5059

É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do Jornal Minuano.