• Redação JM

Seguindo os protocolos, 17º Rodeio de Saldanha Marinho teve boa participação popular

No sábado (15) e domingo (16), aconteceu em Saldanha Marinho, no Parque de Rodeios Derlei Napp, o 17º Rodeio da 7ª Região Tradicionalista, organizado pelo Piquete de Laçadores Trança Crioula, reunindo diversos laçadores e público em geral.

O patrão Eleandro Roessler agradece o prefeito João Élcio da Fonseca (Bobi), Secretaria de Obras, Câmara Municipal de Vereadores e diversos apoiadores em geral, que colaboraram para que o rodeio acontecesse. Também, a comunidade saldanha-marinhense que prestigiou o evento.

Erlias Roessler, atualmente com 70 anos, contou ao JM que colabora há mais de 30 anos na participação de rodeios. Atualmente, além de laçar, faz parte da coordenação do Trança Crioula, que tem 36 anos de fundação. Ainda, sendo colaborador por muitos anos, não só ele, mas também como seus filhos, netos e diversos parceiros dando continuidade à tradição.

A patronagem do Piquete de Laçadores Trança Crioula é composta por Eleandro Roessler - Patrão; Cláudio José - Capataz e Leonardo Roessler - Tesoureiro.

Erlias Roessler relembrou que já passaram pelo Trança Crioula mais de 100 laçadores, além do campeonato da Taça RBS, que garantiu o 1º, 2º e 3º lugar. Hoje, estão com 15 laçadores, entre eles, duas mulheres. Devido muitos estar envolvidos com o trabalho particular não conseguem fazer parte do quadro de laçadores.

Erlias Roessler contou também, que a pandemia fez com que diminuísse os laçadores e público em geral, os quais gostam de prestigiar o evento.

Apesar de tudo, o 17º Rodeio foi prestigiado por 35 municípios, que reuniu 56 quartetos em diversas modalidades.

Texto: Jornal Minuano

Fotos: Erlias Roessler/Jornal Minuano