• Redação JM

Visitas de militares no Jornal Minuano

Na tarde de terça-feira (23), o Jornal Minuano recebeu a visita do coronel Sebastião Dilélio Maracci e do sargento Hélio Silva de Oliveira.

Cabo Hélio como é conhecido pela população santa-barbarense trabalhou por longos anos na Brigada Militar do município e recebeu a visita ilustre do coronel Maracci, em Santa Bárbara do Sul, sendo que lhe mostrou a cidade e também o acompanhou para conhecer o Jornal Minuano, o qual completou 42 anos de histórias.

A reportagem JM conversou com ambos, que relataram sobre o tempo em que serviram o quartel.

Cabo Hélio quando serviu o quartel na Base, em Santa Maria, na Ala da Infantaria, foi por 10 meses motorista do coronel Maracci. Depois, anos passaram e nunca mais se falaram. Mas, Cabo Hélio sempre esteve em busca de informações com antigos colegas do quartel. Descobriu então, que o coronel Maracci estava morando em Bagé. Foi onde começou a nova relação de amizade, já que Hélio e sua família estavam residindo em Bagé.

Cabo Hélio morou em outros municípios, mas retornou para Santa Bárbara do Sul, em maio deste ano e na segunda-feira (23), recebeu a notícia por celular que o coronel Maracci viria lhe visitar.

O coronel Maracci falou que naquela época era o 1º tenente, costumava ser transferido a cada 2 anos, sendo destinado para outra cidade e até mesmo estado. Também, contou que durante 32 anos de serviço militar, teve 9 mudanças de lugar, passando por 29 cidades, deixando e construindo amizades. Lembrou de militares que conviveu durante o tempo em que serviu.

O coronel citou que decorridos esses anos, ainda visita o quartel, para reviver as lembranças de como era participar das atividades, ressaltando que muita coisa mudou de lá para cá, que hoje em dia, as diferenças são para melhor desde da parte da tecnologia quanto do relacionamento pessoal e social, fazendo com que tudo funcione de maneira ágil.

Também falou que Santa Bárbara do Sul é uma cidade aconchegante e acolhedora, cara do interior do Rio Grande do Sul, além de iluminada, sinalizada e com pessoas alegres, não vai esquecer o sorriso do moço do mercado (Guto) que lhe cumprimentou ao chegar.

Maracci disse que pretende voltar a Santa Bárbara do Sul para visitar o Cabo Hélio e também o município.

Texto e foto: JM